A Origem do Universo

Certamente você já se perguntou como o universo surgiu. Pois bem, sua resposta pode estar aqui.

Estude na Bíblia:

A beleza da criação divina

Existem muitas teorias sobre o surgimento do cosmos.

Mas apenas uma está correta. Qual será?

De onde eu vim? Para onde vou? Estas são as perguntas mais importantes da humanidade. Todo mundo quer saber como surgiu o universo e tudo o que existe na Terra.

A verdade é que responder essas perguntas tem sido um grande desafio. Existem algumas teorias que solucionam o grande enigma da vida, mas ainda dividem opiniões. As duas principais são: Teoria da Evolução (evolucionismo) e Teoria Criacionista (criacionismo).

Para começar a entender um pouco mais sobre as teorias que explicam a origem do universo, é preciso levar em consideração aspectos positivos e negativos sobre do assunto. Saiba mais no vídeo a seguir:

EVOLUÇÃO DAS ESPÉCIES

O evolucionismo defende a teoria de que o universo surgiu a partir de uma explosão, conhecida como Big Bang. Quanto aos seres vivos, tudo aconteceu devido a um processo evolutivo e gradual, conforme o ambiente em que viviam sofria mudanças climáticas ou catastróficas. Alguns cientistas, como Alfred Russel Wallace e Jean-Baptise Lamarck, começaram a estudar a origem do universo em meados de 1800, mas foi Charles Robert Darwin quem desenvolveu e estruturou a Teoria da Evolução das Espécies em seu livro A Origem das Espécies, lançado em 1859.

Estudos recentes sugerem que o universo tem 14 bilhões de anos e que todo o processo evolutivo ocorreu ao longo desse período. O infográfico abaixo pode lhe ajudar a entender melhor a Teoria da Evolução:

Entrevista com especialista

Dr. Ruben Aguilar

Dr. em Arqueologia

Quais são os pontos fortes e fracos da Teoria da Evolução?

RA: Sendo a Evolução, uma teoria, ou seja uma exposição aleatória, sem fundamento ou prova objetiva e, sustentada na sua base pelo pensamento especulativo ou filosófico, quase é difícil apontar aspectos positivos. Talvez o positivo que se possa assinalar, seja a inspiração que o conceito do termo “evolução” ou “evolucionismo” outorga ao maior empenho do estudo e ao avanço das ciências biológicas, no sentido de procurar respostas positivas e provas que fundamentem essa ideia. Como a “Evolução” parte da origem de uma pequena célula ou espécie primordial que logo evoluiu em diversas espécies através dos séculos; deve-se considerar que esse fato, o aparecimento da célula primordial, não pode ser avaliado ou medido, não está sujeito à repetição, e não pode dar indícios de resultados futuros. Mais ainda, a teoria da Evolução, não contribui à elaboração de leis naturais. Então, por definição, a ideia da Evolução não é ciência; mas mera especulação racional.

CRIACIONISMO

A Teoria Criacionista sugere que o universo e todos os seres vivos foram criados por um agente sobrenatural – Deus – em apenas 6 dias. Os criacionistas também acreditam que a Terra tem apenas 6 mil anos, e não bilhões de anos como aponta a teoria evolucionista. A base dessa teoria está na Bíblia, no livro de Gênesis, mas dezenas de estudos científicos foram publicados em todo o mundo alegando sua veracidade. Os criacionistas existem, basicamente, desde que tudo começou. Registros antigos encontrados em cavernas, papiros e templos revelam diversas culturas adorando seres sobrenaturais, cuja representação é a de criador. Saiba Mais

No infográfico abaixo você pode entender melhor a Teoria Criacionista.

Quais são os pontos fortes e fracos da Teoria Criacionista?

RA: O “criacionismo”, pela sua procedência literária ou enunciação do seu conteúdo, não pode ser chamada de “teoria”. Em todo caso a versão do “criacionismo”, é uma doutrina. Uma teoria é um enunciado racional, ou uma suposição especulativa de um assunto, um tanto abstrato, que surge na mente de um expositor. Uma teoria é produto humano. Por outro lado, uma doutrina é a revelação de um Ser sobrenatural, com a finalidade de estabelecer os laços cognitivos de Deus com o homem. Uma doutrina surge como interpretação da revelação de Deus. Assim o “criacionismo” não pode ser considerado uma teoria, mas sim uma doutrina, a qual é apresentada na Bíblia, ou Escrituras Sagradas.

Como doutrina, o criacionismo não tem erros. Pode se admitir que existe diferentes formas de interpretação da revelação divina; mas, que não podem ser atribuídas a exposição da Palavra de Deus. Em todo caso, a diferença de interpretação está sujeita a verificação mais estreita com a própria revelação a fim de conseguir maior aproximação a própria versão divina.

Em relação a pontos positivos, o criacionismo é o único enunciado que dá uma versão sensata da realidade na qual o homem vive.

Quiz

Você se considera:

Qual dessas personalidades são mais familiares a você?

Alguma vez você já leu a Bíblia, especificamente o livro Gênesis?

Você conhece a Teoria da Evolução ao ponto de poder argumentar?

Você se enquadra em qual das categorias abaixo:

Para você, o que faz mais sentido:

Você é evolucionista e tem bastante conhecimento sobre a Teoria da Evolução. Talvez, você nunca tenha se interessado pela Teoria Criacionista, mas que tal entender um pouco melhor, a fim de poder argumentar? Saiba Mais.

Você é criacionista! E está muito certo(a) de suas convicções. Que tal estudar um pouco mais sobre o assunto e depois compartilhar com seus amigos? Saiba Mais.

Bem, parece que você ainda não está muito certo(a) de suas convicções. Tudo bem, porque escolher uma teoria para acreditar não é uma tarefa fácil. Mas podemos ajudar você! Saiba Mais.

O principal contraponto entre a Teoria da Evolução e a Teoria Criacionista é o papel do criador. Outras teorias também sugerem a participação de um ser sobrenatural e cheio de poder, capaz de criar e dar vida. Um exemplo é a Teoria do Design Inteligente, que pressupõe a ação de um ser inteligente por trás das formas mais complexas de vida. Saiba mais no vídeo a seguir:

Nem todos os cientistas são evolucionistas, assim como nem todo criacionista é cristão ou acredita em Deus. Decidir em qual teoria acreditar também é uma questão cultural. Tem a ver com a educação recebida pelos pais, com o país de nascimento, com a religião e com a própria decisão.

Saiba Mais sobre o surgimento do universo na Bíblia.