Livro de Respostas

As pessoas buscam na Bíblia respostas para quase todas as perguntas. Este é o livro mais famoso do mundo.

Estude na Bíblia:

A Bíblia Sagrada

Você já deve ter lido ou ouvido pelo menos um trecho da Bíblia. Os ensinamentos e mensagens deste livro estão enraizados na cultura brasileira.

Independente de religião ou fé, a Bíblia é usada como referência para filmes, séries e livros. Afinal, quase tudo que existe no mundo já foi escrito nela há muito tempo.

A Bíblia é o livro mais vendido do mundo. Por este motivo, também é o livro mais traduzido e mais lido do planeta. Existem cerca de oito bilhões de bíblias no mundo, e pode ser que uma delas seja sua. Quem imprimiu o primeiro exemplar foi o alemão Johann Gutenberg, em 1450. De lá pra cá, diversos países aceitaram a mensagem do livro e passaram a produzir suas próprias versões. Quem lidera o ranking dos países que mais produzem bíblias é o Brasil, com 100 milhões de impressões até 2011. Para atrair ainda mais leitores existem dezenas de versões temáticas, como Bíblia da Mulher, Bíblia do Pastor, Bíblia do Criança, Bíblia em Braile e até bíblias à prova d’água.

Recentemente, o Brasil protagonizou um marco na história da Bíblia. A Gráfica da Bíblia, situada em Barueri, no interior de São Paulo, foi quem imprimiu a centésima milionésima edição no dia 26 de maio de 2011. A partir de então, a data passou a fazer parte do calendário religioso brasileiro. Esta mesma gráfica produz entre 30 e 40 mil obras por dia, ou seja, uma a cada três segundos.

A Bíblia não é um livro comum. Suas histórias impressionam a humanidade desde sempre. Especialistas acreditam que este livro tem poder para mudar opiniões, ensinar sobre os princípios de vida e enriquecer o conhecimento de quem a lê. Por ser um livro especial, existem muitas curiosidades sobre seu processo de produção. Veja algumas delas abaixo:

Quem mais lê o livro no Brasil são os evangélicos. Os católicos consomem o conteúdo do livro e o compram muito menos do que se imagina. Religiões brasileiras, como Assembleia de Deus, Renascer em Cristo, Universal do Reino de Deus, são as que mais compram, segundo a Sociedade Bíblica do Brasil (SBB). Esta instituição é filantrópica e foi organizada por líderes cristãos em 1948, no Rio de Janeiro.

Só a SBB vende cerca de seis milhões de livros por ano, assumindo 70% da produção de Bíblias no Brasil. De tudo o que é vendido, 20% é exportado para outros 105 países, com traduções em inglês, espanhol, árabe, hebraico e latim. Outros 30% da produção das bíblias ficam a cargo de editoras menores, porém, bastante representativas no país. A editora católica, Vozes, é uma delas. Mas existem ainda mais, como a editora adventista Casa Publicadora Brasileira (CPB), com sede em Tatuí, no interior de São Paulo.

A CPB, por exemplo, tem várias edições voltadas para crianças, adolescentes e diversas versões com guias de estudo. Há alguns anos, eles produzem edições especiais para eventos da própria Igreja Adventista. Só esta denominação tem 62 editoras no mundo.

A Igreja Católica possui uma bíblia própria com livros apócrifos, são eles: livro de Tobias, dois livros de Macabeus, Eclesiástico, Sabedoria, Judite, Baruc, além de dois capítulos inseridos nos livros de Ester e Daniel. No entanto, estes livros são rejeitados pelos protestantes por conter detalhes incoerentes com o restante da Bíblia.

A primeira cirurgia do mundo foi realizada por Deus, quando operou Adão para retirar uma costela e criar Eva. (Gênesis 2:21 e 22)

O capítulo mais longo da Bíblia é o Salmo 119, e é um acróstico. Esse trecho tem 176 versículos, que são divididos em 22 seções de oito versículo cada. Cada parte corresponde a uma das letras do alfabeto hebraico.

A operação matemática mais surpreendente da história já registrada foi feita por Jesus, quando multiplicou cinco pães e dois peixes para uma multidão de cinco mil pessoas. Mesmo assim, sobraram 12 cestos cheios dos alimentos.

A menor Bíblia foi impressa na Inglaterra e pesa apenas 20 gramas, com 4,5 cm de comprimento, 3 cm de largura e 2 cm de espessura. O exemplar tem 878 páginas e uma série de gravuras ilustrativas. O mais curioso é que ela só pode ser lida com a ajuda de uma lupa.

Já a maior Bíblia do mundo tem 8.048 páginas. O exemplar pesa 547 quilos e tem 2 metros e meio de espessura. Ela foi produzida por um marceneiro em Los Angeles, nos Estados Unidos. Esta bíblia deu tanto trabalho que levou dois anos para ser terminada. As páginas são feitas de uma grossa tábua de madeira de um metro de altura. Os textos foram gravados artesanalmente.

Apesar de a bíblia ser um livro comum e não possuir restrições de leitura no Brasil, ainda sim, precisa ser mais estudada e compreendida. Assista ao vídeo ao lado e entenda um pouco mais sobre o assunto:

Como você já deve saber, a Bíblia foi escrita por cerca de 40 autores ao longo de 1,6 mil anos. Quando começou a ser produzida, usava-se tábuas de barro, peles de animais, papiro e até mesmo cacos de cerâmica. O Antigo Testamento, composto de 39 livros, estava compilado desde cerca de 400 a. C. A maior parte dos livros foi escrita em hebraico, com exceção de algumas passagens em Esdras, Jeremias e Daniel, que foram escritas em aramaico.

Já o Novo Testamento foi escrito depois da passagem de Cristo pela terra. Essa parte da Bíblia foi produzida em grego, uma das línguas mais complicadas do mundo.  Só em 1748 que a primeira Bíblia em português foi impressa. A tradução foi feita a partir da Vulgata Latina. A Bíblia também já foi traduzida para mais de 1,5 mil línguas e dialetos. 

Entrevista com especialista

Rodrigo Silva

Doutor em Arqueologia e Teologia

A despeito de questões relacionadas à fé, qual a veracidade histórica da Bíblia?

RS: A arqueologia nos ajuda a comprovar que as histórias da Bíblia são reais, a partir de uma perspectiva histórica. Mas existem coisas que não possíveis provar cientificamente, como a trindade, por exemplo. Algumas coisas, somente a fé pode explicar. Mas para se ter uma ideia, existem menos provas que Alexandre O Grande existiu do que Jesus. Existem milhares de provas, de textos e de relatos antigos que afirmam a existência de Cristo. Isso tudo, posteriormente, passou a fazer parte da Bíblia. Cerca de 99% dos textos do Novo Testamento já tiveram sua veracidade comprovada historicamente. O outro 1% é uma questão de tradução em alguns versículos, mas isso não foi capaz de prejudicar o sentido do livro. Mesmo com tantas traduções, praticamente toda a Bíblia mantém o sentido original, muito fiel aos escritos originais. Portanto, sim, a Bíblia é verdadeira graças aos estudos históricos já feitos. 

Quiz

Você já leu a Bíblia inteira alguma vez?

Você costuma deixar a Bíblia aberta em cima de algum móvel?

Quando você lê a Bíblia, consegue entender e apreciar seu conteúdo?

Alguma vez você já se forçou a ler a Bíblia?

Já procurou ajuda para auxiliar e entender melhor a Bíblia?

Para você, a Bíblia é um livro:

Parabéns, já deu pra perceber que você gosta muito de ler a Bíblia e tenta interpretá-la e compreendê-la. Continue estudando e busque compartilhar seu conteúdo com outras pessoas. Mesmo sabendo bastante sobre este livro, você ainda pode descobrir muitas coisas. Saiba Mais

Parece que você não gosta muito de ler a Bíblia, apesar de saber como o livro inspira muitas pessoas. Quem sabe se você começar pelos livros históricos, consiga apreciar mais seu conteúdo. Faça o exercício e desfrute de um conhecimento único. Você ainda pode descobrir muitas coisas especiais. Saiba Mais

Você reconhece que a Bíblia é um livro especial, mas ainda não gosta o suficiente para apreciá-la. Quem sabe se você começar pelos livros históricos, consiga apreciar mais seu conteúdo. Faça o exercício e desfrute de um conhecimento único. Você ainda pode descobrir muitas coisas especiais. Saiba Mais

Muitas pessoas consideram a Bíblia um manual para a vida. Outras, um livro de palavras bonitas. Há ainda os que a usam como um enfeite ou um amuleto. No entanto, é importante saber que o objetivo principal deste livro é orientar pessoas, desde quando foi escrita, há milhares de anos. Suas cartas, evangelhos, livros históricos e proféticos prometem acontecimentos, assim como contam histórias verídicas sobre comportamento, fé e milagres.

A Bíblia é um livro único na Terra. Suas histórias fascinantes transbordam pessoas de diferentes gêneros, raça ou classe social. Muitos especialistas tentam explicar esse fenômeno de diversas maneiras. Por mais difícil que pareça ser entender tudo, há sempre uma interpretação sábia por trás de cada frase. Experimente lê-la com outros olhos. 

Abaixo, o especialista em arqueologia bíblica, doutor Rodrigo Silva, dá mais detalhes sobre a Bíblia. 

 

Ainda ficou com dúvidas sobre a Bíblia? Não tem problema. Existe um estudo detalhado sobre o livro que pode lhe ajudar a entender mais sobre o assunto. Saiba Mais

A Bíblia vai muito além do conceito formal de religião. A falta de compreensão ou as diferentes interpretações do livro são fatores que impulsionam o surgimento de milhares de religiões no mundo. No entanto, a Bíblia é única, sua mensagem é única e não muda ou se adapta às denominações que nascem ou morrem todos os anos.